“Precisamos ouvir mais as pessoas na rede”

O Head de estratégia de marca no Twitter, Pedro Porto, ressaltou a importância do monitoramento completo nas redes sociais: “As pessoas falam, mas elas não querem ouvir. Investem muito em Monitoramento de viral, mas é preciso ouvir mais as pessoas na rede”. Ele foi o palestrante do workshop realizado hoje de manhã, no Teatro do Brasília Shopping, pelo Grupo de Planejamento de Brasília.

O Twitter é uma rede de interesses e é a principal rede quando se fala em conteúdo aberto. Todo mundo sabe que quando se quer fazer mobilização nas redes o Twitaço é sempre um bom caminho. Você pode receber retweets de perfis que não fazem parte da sua rede. No Facebook isso já é mais restristo, principalmente se o seu perfil for fechado somente para amigos.

Captura de Tela 2015-02-05 às 4.10.51 PM

Pedro Porto destacou a missão do Twitter, que é ser uma rede ao vivo, pública (aberta) e própria para conversas.

Planejar sempre! O Pedro também lembrou que nós trabalhamos muito com o dia-a-dia e com campanhas, mas que esquecemos de planejar ações além disso. Citou que muitas postagens da Copa do Mundo foram planejadas. Até o machucado do Neymar, pois é previsível que alguém se machuque em uma competição. “É preciso planejar variáveis, colocar na planilha e produzir conteúdo. Um bom planejador entende de criação e de mídia”.

A história deste tweet da Coca Cola Brasil também foi apresentada. Este foi o tweet publicado duas horas depois do Brasil perder para a Alemanha na Copa do Mundo de 2014:

Captura de Tela 2015-02-05 às 4.01.30 PM

O tweet havia sido planejado com dois meses de antecedência. “Entretanto pensamos que o Brasil poderia perder a Copa lutando, mas não foi isso que aconteceu”, lembrou. Com o resultado da eliminação, a equipe do Twitter Brasil, da Coca -Cola e das agências que a atendem resolveram replanejar a imagem que seria usada. Ao mesmo foi monitorado o sentimento da população. O tweet foi publicado duas horas depois do fim do jogo.

A palestra do Pedro Porto foi excelente para repensarmos o marketing digital que estamos fazendo tanto para marcas quanto para serviços. O Twitter está com uma gerência em Brasília há 6 meses e isso está possibilitando o treinamento de várias agências desde então.

O que fica de lição é aquilo que sabemos desde o começo: é preciso entender o padrão de comportamento dos usuários por meio do monitoramento de redes sociais. Infelizmente muitas marcas ainda usam o Twitter como uma TV apenas para despejar conteúdo. Hora de replanejar!!

Captura de Tela 2015-02-05 às 4.34.05 PM

Valeu Pedro!! 😉

Para empresas interessadas em divulgar sua marca no livro sobre Monitoramento de #RedesSociais

ATENÇÃO!! Pessoal, estamos fechando a capa do meu livro com a Editora. Gravei ESTE VÍDEO para avisar que Empresas/pessoas que queiram ser parceiras nesse projeto do livro (publicidade no livro) sobre Monitoramento de #RedesSociais podem entrar em contato que eu passo as orientações.

O lançamento será final de janeiro. O livro será vendido em todo o Brasil. Quem compartilhar este post já vai ajudar muito! Quem se interessar, envia mensagem. AJUDE.

20141227-143028.jpg

Como é o cálculo da taxa de engajamento no #Twitter?

Segundo o Twitter, o número de engajamento é a soma de cliques, respostas, retweets e curtir dividido pelo número de impressões. O próprio Analytics do Twitter já faz esta conta, mas é interessante saber a sua formulação.

No caso deste tweet – que recebeu 7 retweets – a taxa de engajamento foi de 0,2%:

taxa de engajamento no Twitter

Para analisar um perfil do Twitter acesse o Analytics. Bom trabalho!

Conheça o Livro “Redes Sociais – Estratégias de Monitoramento” (Editora Nova Terra, RJ) e adquira conhecimento sobre análise de dados de redes sociais. Pagamento no débito, crédito ou boleto. Dúvidas? Envie um comentário! 

Twitter faz pesquisa sobre viagens de avião

Quem já respondeu essa pesquisa? A qualquer momento ela poderá aparecer na sua timeline. A dúvida é saber para qual empresa aérea que o Twitter está avaliando interesses?

Captura de Tela 2014-12-01 às 9.09.16 AM

 

 

Captura de Tela 2014-12-01 às 9.11.25 AM

 

A informação que consta no site do Twitter é que – apesar de você responder as pesquisas logado – as respostas são anônimas. Dessa forma o resultado não influenciaria na sua timeline.

Quem usa estes dados?

As respostas são mantidas anônimas e combinadas com muitas outras respostas antes de ser compartilhadas com terceiros, que nos ajudam a organizar os resultados em tabela e analisá-los para o Twitter e quaisquer marcas que participem da pesquisa. Cumprimos nossa política de privacidade e não compartilhamos informações de identificação pessoal com anunciantes.

Compartilhamento por DM

Quem já essa atualização no Twitter? Agora é possível enviar um compartilhamento por DM. Bom né?

IMG_6710.PNG

IMG_6711.PNG

Top Users do Twitter e influência…

Fui pesquisar no Twitter Accounter a nova lista dos Top Users da rede, mas por enquanto o ranking continua o mesmo: Lady Gaga, Justin Bieber, Barack Obama e Britney Spears entre os primeiros. A maioria dos perfis são de artistas com algumas exceções como o jornal New York Times e perfis de aplicativos como o Snaptu.

Podemos destacar na 14ª posição o perfil Twitter en español com 5.751.973 seguidores.

O primeiro representante do Brasil nesta lista é o jogador Kaká, com 4.893.469 seguidores.  Ele está na 23ª posição.

Aqui também vale aquela análise que tem muitos seguidores não está necessariamente ligado a ser influente. Se você twita muito isso quer dizer que você participa bastante da rede. Influência está ligada a mobilização, que é quando as pessoas se envolvem nas discussões propostas por outro usuário.

Vamos aprendendo…

Eu tava ali atualizando o Google Plus sabe…

Nesta semana comecei a testar o Google Plus. Você também? Vamos trocar ideias ali no bar

Então, ele ainda está em uma versão teste e nós, usuários/viciados estamos aqui para isso. Na parte de baixo do lado direito da tela você tem a opção “Enviar comentário”. Ela foi feita justamente para enviar feedback para galera do Google sobre o funcionamento da nova rede.

No início eu comparei bastante com o Facebook. Enfim, há opções para compartilhar status, fotos, vídeos e links. Enviei para eles a sugestão de aúdio também.

Você pode adicionar pessoas e incluí-las em “círculos” (semelhante às listas do Facebook, porém visualmente melhor). Da mesma forma como outras pessoas também podem adicionar você aos círculos delas. Não necessariamente você precisa adicioná-las também (neste caso é bem parecido com o Twitter)

A forma de integração das fotos e vídeos ao seu perfil também é semelhante ao Facebook. A novidade que eu nunca vi no Orkut/Facebook  é que o Google Plus divulga o EXIF da foto (informações originais que a câmera fornece na hora do registro da foto). Quer ver como?

detalhes da foto no Google Plus

detalhes da foto no Google Plus

Escolha uma foto e clique em “Ações” e depois em “Detalhes da foto”: Ele não divulgada somente a câmera usada, mas a velocidade, se foi usado flash ou não e a distância.  😉

Também gostei da possibilidade de você pode conversar com até 10 pessoas via video. Mega interessante para aquelas reuniões hein?

Enfim, aqui está um convite para você conhecer mais o Google Plus seja para desenvolver novos projetos ou simplesmente para trocar mais informações.  Agora o que me preocupa é como fazer a mensuração dos dados caso eu criasse um perfil? Vamos descobrindo…

Quem tiver mais interesse, leia o post do Alex Primo sobre o assunto, gostei bastante. Aqui tem uma breve análise que também foi publicada no Mashable.

Quem mais está testando?