Um RP na gestão de redes sociais

Como usar as Relações Públicas nas redes sociais? Isso quem vai dizer é o RP, Vanberg Osório. Ele é baiano e, hoje, trabalha na Agência Monumenta, em Brasília.

O Vanberg já trabalhou com produção de conteúdo, planejamento, atendimento e monitoramento. Ele enfatizou o quanto a sua formação foi importante. “A profissão de Relações Públicas tem um leque de variações no qual você pode se inserir. De 2009 pra cá o digital é mais um leque para RP. Gosto muito de ser RP”, afirmou.

Ele destacou um projeto do período em que ele ainda estava na Bahia:  “Tive um prazer de ajudar a implementar as redes sociais do Senac”.

“Sempre gostei de analisar discurso. Não adianta apenas apresentar dados. Sempre tive uma capacidade de análise legal”, disse sobre seu primeiro job com monitoramento de redes sociais na Bahia.

Quer encontrar o Van? Twitter Facebook e Linkedin. vanberg2@gmail.com

ATENÇÃO. Toda terça-feira, às 21h, tem Web-série Como ser #SocialMedia. Aqui no Blog e no Youtube. VEM!

Anúncios

Da assessoria de imprensa para as redes sociais!

A baianidade invade a Web-série Como ser #SocialMedia!! O episódio de hoje é com a jornalista Carícia Temporal. Ela se formou pela Universidade de Brasília (UnB). Já trabalhou com monitoramento de redes sociais e produção de conteúdo. Atualmente desenvolve um novo projeto na Bahia.

No início ela conciliava o trabalho em uma assessoria de comunicação com um freela em agência de mídias digitais. “Eu trabalhava como repórter, quando me formei. Sempre tive muita afinidade com internet (…) Comecei a freelar junto com várias pessoas. Acabei me destacando pelo meu interesse. Eu me interessei muito e acabei evoluindo. As pessoas que trabalharam comigo me chamaram para produzir relatório, fazer estratégia. Não era só ‘positivo’, ‘negativo’ e ‘neutro’. A primeira ferramenta que usei foi o Scup”, contou.

A Carícia Temporal morou durante 7 anos em Brasília, mas há um ano retornou para Salvador.  Ela também citou como está o mercado de redes sociais lá: “Aqui tem muita agência grande que é offline e que agora tem a parte de WEB”.

Este episódio foi gravado via Hangout porque foi feito à distância.

Fale com a Carícia pelo Facebook ou pelo Twitter.

A partir de hoje a Web-série Como ser #SocialMedia será divulgada somente terça-feira, às 21h. Acompanhe e envie para seu colega que quer trabalhar com redes sociais! \o/ \o/ 

Web-série Como ser #SocialMedia na Seekr

Obrigada ao pessoal da Seekr pela divulgação da Web-série Como ser #SocialMedia!!

Captura de Tela 2015-03-22 às 12.27.10 AM

Do curso de Biblioteconomia para o monitoramento e métricas das redes sociais!

A história de hoje vem direto de Santa Catarina! A Ana Claudia Zandavalle – entrevistada deste episódio da Web-série Como ser #SocialMedia – é formada em Biblioteconomia. Hoje ela trabalha como analista de monitoramento e métricas da agência Moringa Digital, em Brasília.

“Em 2011 eu entrei na Knowtec para trabalhar como assistente da informação. Nesse cargo eu já fazia trabalho de monitoramento de informação em sites, blogs”, citou ao lembrar do seu primeiro trabalho com redes sociais.

A Ana também explicou como foi importante ter cursado Biblioteconomia e trabalhar com monitoramento. “Nós estudamos indexação para categorizar o conteúdo, adicionar tags para identificar mais rápido”.

No final do episódio a Ana fez MUITAS INDICAÇÕES: blogs, sites e eventos da área. Vale anotar TUDO hein! 😉

Ficou curiosa (curioso)? Assista ao episódio (que foi gravado por Hangout por ter sido à distância).

A Web-série Como ser #SocialMedia é um produto deste Blog. Tem episódio novo toda terça e quinta-feira, às 21h. Compartilhe com seus colegas que querem entrar na área de redes sociais! 

BATE FORTE O TAMBOR! Eu quero é…conhecer um case do Amazonas!

O episódio, de hoje, da ‘Web-série Como ser #SocialMedia” é com a Assessora de Comunicação, Chrys Braga. Ela graduanda do curso de Relações Públicas e mora em Manaus.

A Chrys Braga possui um case regional de redes sociais: o portal D24AM. Ela contou como começou o seu interesse por comunicação digital até chegar nesse projeto. “Comecei contando coisas engraçadas (na Web), compartilhava música, texto e escrevia sobre relacionamentos (em blogs). Depois disso mudei para as redes sociais. Comecei a falar sobre política, as coisas da cidade”.

O portal D24AM foi o primeiro a começar a interagir nas redes sociais. “Até então os portais de notícias serviam apenas para colocar o que estava no jornal. O portal foi além. Tinha uma equipe pra ele. As redes sociais não eram via de mão única (…). Nós tínhamos um feedback do leitor”, citou.

A Chrys Braga também deu sua opinião sobre a formação ideal para trabalhar com redes sociais. O que você acha? Depois comenta!

Quer falar com a Chrys? Pode adicioná-la aqui no Twitter e no Facebook.

A Web-série “Como ser #SocialMedia” tem episódio novo toda terça e quinta-feira, às 21h. Assine o canal e o blog para ver tudo primeiro! Perdeu o episódio passado? É uma boa hora para ver todos! 😉

Como fazer curadoria de conteúdo?

O episódio da Web-série “Como ser #SocialMedia” desta terça-feira é com o publicitário brasiliense Leo Maia. Ele é colaborador do Youpix.

“Eu comecei a seguir pessoas que falavam sobre Comunicação, sobre Jornalismo, Publicidade. Os blogueiros eram essas pessoas que trabalhavam em agência. Quando a internet começou a funcionar comercialmente eram os blogueiros que resolvia”, contou Leo Maia.

Ele naturalmente fazia curadoria de conteúdo e compartilhava com seus contatos. “Meu vício de procurar por notícias legais começou. Todos os dias eu acessava o site do Clube de Criação de São Paulo. Lá dá para ver tudo o que foi publicado de rádio, TV, impresso, de ações feitas pelas agências de São Paulo”, explicou.

O relacionamento com o Youpix começou nessa época. “A Web estava amadurecendo e a mídia tradicional não conseguia explicar”. Hoje ele é um colaborador fixo do portal.

Assine o canal para continuar recebendo notificações dos episódios novos! Toda terça e quinta tem episódio novooo! Acompanhe aqui pelo Blog Social Media. Tem sugestões? Passa aí!! 😉

De coordenação de projetos à coordenação de redes sociais

O episódio de hoje – da Web-série “Como ser #SocialMedia” no Youtube – é com a publicitária capixaba Jacqueline Viana. Como a entrevista foi feita à distância, o vídeo foi gravado por meio de Hangout.

“Como Social Media eu comecei a trabalhar em 2009. Ainda estava bombando o Orkut, apesar de já ser a era do Facebook”, lembrou. Ela citou como começou a participar de projetos em uma agência de Vitória (Espírito Santo). De analista ela passou a ser coordenadora de projetos.

Em 2010 Jacqueline Viana se mudou para São Paulo para continuar coordenando projeto em outra agência. Na ocasião ela explicou o que faz um coordenador de projetos, que vai além da gerência de redes sociais. “A coordenadora se envolve com todas as etapas de um projeto. É preciso ter um conhecimento macro do que é estratégia, de quais são os prazos de entrega de cada núcleo, o que cada equipe tem que fazer e suas tarefas diárias”, informou.

A publicitária citou algumas dicas para quem quer entrar nessa área:

Grupo Entusiastas da Social Media no Facebook (hoje com 16.481 membros)

Grupo Entusiastas do Monitoramento no Facebook (com 9.162 membros)

Wired 

Digital Trends

BI Intelligence

Miami AdSchool

Blog da ESPM

Blog do Scup

Blog da Seekr

IAB Brasil

Jazz Marketing

Contatos da Jacque ==> jacquelinelviana@gmail.com Twitter Facebook Linkedin

Inscreva-se no canal para receber notificação de novos episódios da Web-série! Go!